Futuro inevitável – Bitcoin e demais criptomoedas poderão substituir FIATs (Moedas Fiduciárias) em 5 anos afirmam executivos financeiros

A maior parte dos profissionais do mercado financeiro de diversos países, espera que os ativos digitais, Bitcoin, Altcoins, Tokens e etc venham a substituir as moedas fiduciárias emitidas pelos governos no lapso de até uma década, ou que pelo menos venham a apresentar uma alternativa real e sólida a eles, revela pesquisa da Deloitte.

Com esse cenário, empresas de serviços financeiros estão aderindo ao mundo das criptomoedas, ativos digitais e blockchain, para que não corram o risco de ficar para trás, perdendo espaço para os concorrentes no momento que as criptomoedas sacodem a indústria, disseram os entrevistados.

Dentre estes profissionais, 76% dizem acreditar que os ativos digitais serão uma forte alternativa ou até mesmo substituirão as fiats na próxima década, conforme revela o relatório da pesquisa realizada pela Deloitte, publicada na semana passada.

Eles preveem benefícios positivos à seus negócios com uma ampla variedade de ativos como, moedas digitais do banco central, CDBCs, stablecoins e moedas controladas pela empresa.

O mercado de criptoativos vem crescendo de forma exponencial, bem como o fluxo de fundos desses ativos, à medida que instituições e investidores, profissionais e amadores cada dia mais se interessam por este mercado e aderem a este mundo como uma reserva de valor.
O surgimento de novos negócios e novas formas de negociação que envolvem o mundo das criptomoedas, reflete uma mudança drástica no setor financeiro. Grande empresas estão aderindo às criptomoedas como forma de investimento e/ou forma de pagamento pela prestação de seus serviços ou venda de seus produtos. Gigantes como Tesla, Amazon, Twitter, Facebook estão sempre relacionadas a notícias que envolvem o mundo das criptomoedas, e estas gigantes não fazem parte dessas notícias à toa, elas estão se adaptando para estarem prontas à um futuro inevitável e estão assegurando que estarão prontas para atenderem às necessidades futuras.

“A participação na era dos ativos digitais não é uma opção, é inevitável. Os líderes são deixados apenas para decidir como usar os ativos digitais e a nova infraestrutura de serviço financeiro global para sua maior vantagem”, escreveram eles.

Em sua esmagadora maioria, cerca de 80%, dizem que indústria irá presenciar novos fluxos de receita que envolvem criptoativos, e blockchain, com quase a metade revelando que esta custódia é a melhor oportunidade. Outros citam novos canais ou formas de pagamento, além de diversificação de carteiras de investimento.

Cerca de 75% concorda que o seu negócio ou empresa não se adaptar e passar a adotar os ativos digitais e blockchain, perderão a chance de um grande salto à frente de seus concorrentes.

“Oportunidades para uma mudança real em várias áreas dos mercados financeiros globais existem para aqueles participantes que exploram novas maneiras de aproveitar o poder da tecnologia de blockchain e ativos digitais para reimaginar seus modelos de negócios”, disse Richard Walker, líder de blockchain do setor de serviços financeiros dos Estados Unidos da Deloitte, disse em um comunicado.

As dificuldades com a mudança ocorrem e estão a todo momento a surgindo. Cerca de 65% dizem que o maior obstáculo para esta mudança para ativos digitais é a falta de infraestrutura financeira especializada em criptografia. Além do alto risco no que tange a cibersegurança, questões regulatórias e o principal dentro do mundo das criptomoedas que é a necessidade de proteção da sua privacidade.

Nesta pesquisa a Deloitte entrevistou 1.280 executivos seniores em uma variedade de setores incluindo serviços financeiros em 10 localidades, dentre elas: Brasil, China, Reino Unido, Alemanha, Hong Kong, Japão, Cingapura, África do Sul, Estados Unidos e Emirados Árabes Unidos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.