Carteira com 407 BTC reativada após oito anos

Carteira com 407 BTC reativada após oito anos

Um usuário em posse de 407 unidades de Bitcoin (BTC) voltou a movimentar seus ativos após oito anos de inatividade no mercado, segundo o Whale Alert.

Sendo um dos mais conhecidos perfis de monitoramento do mercado, o Whale Alert é usado por milhares de traders e investidores ao redor do mundo. Nesta segunda-feira (7), uma movimentação feita por uma carteira há anos parada chamou a atenção do perfil e de seus seguidores.

O montante em si, de 407 BTC, não foi o mais surpreendente, visto que existem baleias que possuem ou movimentam milhares de unidades da criptomoeda. O que chamou a atenção foi o tempo de inatividade que este usuário tinha, sendo que sua última movimentação foi em 2013.

Geralmente, endereços inativos há tanto tempo são atribuídos a usuários que perderam acesso às suas carteiras, pois dificilmente alguém que tivesse uma valorização tão grande em seus ativos não buscaria vendê-los para realizar lucro.

Lucro de US$ 15 milhões em BTC

Conforme destacado pelo Whale Alert em seu perfil no Twitter, 407 BTC já representavam um montante considerável em 2013, acima de US$ 350 mil. No entanto, o investidor tomou uma sábia decisão em passar todos esses anos sem movimentar suas criptomoedas.

Atualmente, seu montante ultrapassa os US$ 15,4 milhões, visto que o Bitcoin está avaliado em US$ 38.800, segundo o CoinGecko. A valorização que a criptomoeda teve desde a sua última movimentação foi de 4.300%.

Caso tivesse vendido seus ativos em novembro do ano passado, época que o Bitcoin atingiu seu preço recorde de US$ 69.000, ele teria um lucro ainda maior, de US$ 27,7 milhões. No entanto, mesmo com fortes quedas de preço que o BTC tem sofrido desde então, esta baleia possui motivos para celebrar.

Porém, o montante foi enviado para uma carteira desconhecida, não sendo possível afirmar que seu dono destinou os ativos para uma conta de exchange para vender e realizar o lucro obtido nos últimos anos.

A importância do Whale Alert

Ao revelar grandes movimentações feitas pelas baleias cripto, o Whale Alert tem tido uma boa fonte de informação e até mesmo proteção para os usuários deste mercado. Grandes ordens de envio para contas de exchange podem indicar que os grandes investidores irão vender ou trocar seus ativos, o que pode causar quedas repentinas de preço. Tendo essas informações, é possível se proteger da alta volatilidade de preços das criptomoedas.

O Whale Alert também tem sido útil para as exchanges. O site tem dado suporte, por meio de seus APIs de rastreamento, para exchanges que precisam localizar fundos que foram roubados.

Em 2019, o site ajudou a Binance a localizar 7.000 BTC que foram roubados de sua plataforma, montante que valia US$ 40 milhões na época. A colaboração foi apreciada pelo CEO da exchange, Changpeng Zhao, que segundo informações, teria supostamente dado mil unidades do ativo para o site como forma de agradecimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.